Sem categoria

5 dicas para preparar e salvar qualquer drink

single image

O preparo de drinks é uma verdadeira arte e, engana-se quem pensa ao contrário!

Quem nunca deixou a caipirinha de limão doce demais ou economizou no gelo e a bebida ficou quente? Se você é um apreciador dos bons drinks, sabe que alguns detalhes fazem toda a diferença no sabor final de qualquer receita.

É por isso que, a seguir, você confere 5 dicas para preparar qualquer drink e também os segredos para acertar o preparo de uma das paixões nacionais: a caipirinha de limão.

  • Os ingredientes e as bebidas estão em dia?

Começando pelo começo: a qualidade dos ingredientes é fundamental para o resultado final do seu drink. Afinal, um Mojito fica muito melhor com folhas frescas de menta e a sua caipirinha de limão fica mais gostosa com limões de qualidade – e frescos! Se você tem um barzinho em casa com diferentes bebidas, certifique-se de que o armazenamento das garrafas está correto – longe da luz, de preferência – e, de tempos em tempos, lembre-se de checar a validade no rótulo.

 A quantidade de gelo é fundamental

Pode parecer apenas um detalhe bobo, mas o gelo faz toda a diferença no gosto do coquetel. Para evitar um coquetel aguado, não exagere nas pedras – ou na quantidade quando utilizar o gelo picado. Acertando na quantidade de gelo, o seu drink fica na temperatura certa e saboroso do começo ao fim.

 

Uma dica caso você deseja preparar drinks com aparência mais profissional, é utilizar gelo de água filtrada – ou fervida. Esse tipo de gelo é mais cristalino por não conter as impurezas que muitas vezes encontramos na água da torneira. Esse é um ótimo detalhe para observar nos estabelecimentos também.

 

  • Em vez do açúcar…

 

Em vez de utilizar o açúcar cristal para preparar os drinks, é mais prático optar pelo xarope de açúcar. Além de ser mais fácil de medir e dissolver nas bebidas, o xarope pode ser feito em casa, utilizando água e açúcar para o preparo. Basta levar ao fogo uma panela com água e açúcar e ferver até chegar na consistência de um xarope. Se quiser criar diferentes aromas e sabores, vale acrescentar ervas e até sucos de frutas.

 

  • Alguns utensílios são essenciais

 

Para quem está se aventura na mixologia ou para quem já é profissional, os utensílios de bar são ferramentas essenciais para preparar drinks de qualidade e cheios de sabor. Veja abaixo uma lista com alguns dos principais itens podem ajudar e facilitar essa arte:

 

  • Coqueteleira Boston: é aquela coqueteleira com dois copos, muito utilizada para misturar os drinks e também resfriar os ingredientes – já que um dos copos é de metal.
  • Peneira: essencial para peneirar e evitar que algum ingrediente indesejado caia no copo do drink – como folhas de hortelã, por exemplo.
  • Coador Julep: com o formato de uma concha, ele encaixa perfeitamente no copo de mistura ou na coqueteleira e é ótimo para filtrar ingredientes maiores.
  • Colher Bailarina: além de ser ótima para misturar bebidas em copos mais profundos, também facilita a criação de drinks em camadas e ajuda na hora de servir líquidos – especialmente os gasosos – mais lentamente.
  • Pá e balde de gelo: tendo uma pá e um baldinho você evita manusear o gelo com as mãos – o que é muito mais higiênico.

 

 Colocando em prática: dicas para uma caipirinha de limão profissional

 

Agora que você á conferiu algumas dicas para drinks, vale colocá-las em prática preparando um dos drinks mais tradicionais do Brasil.  Mas, antes de separar os ingredientes e começar o preparo, confira 4 dicas essenciais para uma caipirinha de limão profissional:

 

  • Especialistas afirmam: na hora de cortar os limões, lembre-se de remover as partes brancas da fruta para evitar que o drink fique amargo;
  • Pegue leve no açúcar, uma caipirinha de limão doce demais pode perder uma das suas principais características, que é ser refrescante. Se colocou açúcar demais, tente balancear com um pouco mais de cachaça ou até água gelada – lembre-se de que ainda vai o gelo. Vale também tentar remover um pouco do excesso de açúcar que ficou no fundo com uma colher mais longa;
  • Utilize limões frescos, sempre! Frutas cítricas, se cortadas de um dia para o outro, ficam amargas e com aparência nada desejável;
  • Qualidade da bebida: escolha uma cachaça de qualidade para o preparo. A cachaça mais clara é a mais recomendada para preparar a caipirinha de limão clássica, já que é considerada mais neutra. As cachaças envelhecidas em barris de carvalho, além de serem mais amareladas, também são menos ácidas – o que pode imprimir um sabor mais doce ao drink.

 

Agora, com as dicas em mãos, veja como preparar uma caipirinha tradicional deliciosa!  E, lembre-se que a quantidade do gelo é peça-chave!

Por:

Gabriela Westphalen

Você pode gostar